Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

VEZES 100 CONTO

All has not been said and never will be. Samuel Beckett

Vozes de Burro|Contos (Prémio Alves Redol 2017)

31061421_10214613361442070_2004543541174535935_n.j

Vozes de Burro de Carlos M. J. Alves

Considerações do júri que atribuiu, por unanimidade, o Prémio Literário Alves Redol

 

Dividido em duas partes distintas que o autor intitulou “Vidas Caseiras” e “Correspondência Perdida”, Vozes de Burro é, de certo modo, exemplificativo da prática do conto realista em Portugal: episódios circunstanciais que encerram, por consequência ou antítese, uma moralidade. E esta é, em Vozes de Burro (e o próprio título é indicativo), que, em Portugal, faça-se o que se fizer nunca se chega ao “céu”, isto é, à felicidade.

Bom conjunto de contos que, através de uma abordagem realista de episódios circunstanciais da vida, se inquire sobre temas permanentes como a fragilidade física, a incapacidade da existência de uma harmonia plena, a dissensão, o conflito, o riso (a ironia) como resposta à resignação.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.